Tuesday, August 01, 2006

Dia -281

Massivamente

«Un appel international est lancé pour l'arrêt du
génocide au Liban et en Palestine.
Rejoignons-le
massivement et diffusons-le massivement


cliquer sur le lien ci-dessous»


http://libangaza.free.fr/index.php



5 comments:

BlahBlahBlah said...

Elisa,

Quantas crianças morrerão de fome em Portugal todos os dias? Quantas familias vivem abaixo do limiar da pobreza? Quantas pessoas não têm dinheiro para pagar os tratamentos que as poderiam curar? Quantas pessoas...

Bullshit para os achismos da corneta acerca desta guerra.

LiZZie said...

Ai Blah! Tudo isso é inteiramente verdade. Mas... um gajo não pode preocupar-se com essas questões e com esta guerra? Quero dizer, são preocupações mutuamente exclusivas? Não me parece. Além disse, querias dizer exactamente o quê? Que não se devem fazer petições (ou mesmos posts) a propos da guerra, mas sim dessas questões sociais? Mais uma vez me interrogo sobre a mutua exlusividade dos assuntos, mas pronto. Depois explicas-me :-)

BlahBlahBlah said...

Ò Elisa, desculpa, o teu foi o último de sei-lá-quantos post que andei a ler aí blogados por todo o lado. Apeteceu-me dizer, como o Carlos Narciso, blogda-se para essa guerra.

Sabes que raramente leio posts sobre questões sociais, excepto quando metem assassinios, gays e sucedâneos... tens razão, as petições apaziguam-nos a consciência social mas francamente essa guerra é tão estupida como são todas as guerras. Tomar partido em questões islâmicas? A cabeça deles não funciona como a nossa. E guerras sempre houve e haverá, olha que se mantenham assim, com tiros e bombas - o update dos paus e pedras, catapultas e espadas. A guerra com atomos e neutrões é que quando acontecer será complicada. Estas, olha, são barbáries como todas as outras anteriores que já vêm do tempo em que andavamos a conquistar o mundo para o dividir com os Espanhóis em Tordesilhas.

BlahBlahBlah said...

Sabes que mais, blogda-se! :)

Eu cá estou muito mais incomodada com o lixanço da vida de 290 portugueses por parte do Fisco. Duzentas e noventa, em vez de quatro mil pessoas, que assim, por causa de uma lista que terá a acuidade de quem a elaborou, passaram a párias sociais.

LiZZie said...

Sim, é verdade que é uma guerra tão estúpida como as outras... mas qual o problema de se falar nela? Essa palavra é gira... blogda-se :-)

Quanto à lista, como te disse antes... hum eu hesito entre condenar a estratégia de merceeiro do governo e achar que o mesmo fez lindamente. Ainda não me decidi... mas sabes, eu pago os meus impostozinhos todos, não fujo ao fisco, peço sempre as facturazinhas e os recibozinhos, etc etc... e como eu montes de outras pessoas não-ricas e há essas pessoas (obviamente ricas, para terem impostos desses) e essas empresas que devem milhares e milhares de euros e bom... é que não são trocos... De qualquer forma provavelmente o governo teria outros meios para resolver a questão... não sei...