Saturday, February 23, 2008

Dia -847

Uma Definição para o Amor (I)

fico admirado quando alguém, por acaso e quase sempre

sem motivo, me diz que não sabe o que é o amor.
eu sei exactamente o que é o amor. O amor é saber
que existe uma parte de nós que deixou de nos pertencer.
o amor é saber que vamos perdoar tudo a essa parte
de nós que não é nossa. o amor é sermos fracos.
o amor é ter medo e querer morrer.

José Luís Peixoto in A Criança em Ruínas

4 comments:

Lou said...

tão intenso! tão verdadeiro!

Elisa said...

Especialmente 'o amor é sermos fracos'... esquecemo-nos tantas vezes que somos fracos e temos medo... não é?

Lou said...

sabes que pensei nisso, exactamente? e não escrevi. mas pensei. ainda me espanto com esta sintonia. sabes? e gosto. e pronto.
bjs

Elisa said...

Lou :-)) E acho que ainda não é desta que vamos beber o sumo de makua ...