Sunday, April 23, 2006

Dia -181

O Comboio
Gosto do que o comboio traz.
Detesto quando o comboio leva...

7 comments:

Cavaleiro Expectante said...

Lizzie

Estou na à espera do comboio na paragem do autocarro. Mas o comboio que me leva de volta a ti nunca mais chega. Será que me atrasei? Será que há greve e não fui avisado? Olha, eu vou chegar aí de qualquer forma (já sabes que sou muito persistente). Se o comboio não passar, roubo a Lâmpada de Aladino, alugo um tapete voador que me levará num passe de mágica até ti...

LiZZie said...

E depois? Para a próxima passas a estar á espera do tapete voador na paragem das carruagens aladas?

Cavaleiro Expectante said...

Opa... espero que isso não me aconteça. As carruagens aladas levam muito tempo a chegar a qualquer lado. Culpa do trânsito no IC19 (Itinerário Celestial, Via Estratosférica 19). Não. Prefiro mesmo um tapete voador que é um meio rápido e seguro de chegar até ti...Portanto...Por isso...O mais provável é que isso não aconteça.

casimiro said...

Por momentos lembrei me da serie "love boat"...

LiZZie said...

hum... cavaleiro, porque esperas então?

LiZZie said...

Inquieto
Essa série... eheheh... bom, neste caso seria mais um 'love train' ou um 'love bus' ou mesmo um 'love carpet'.

Miguel Costa said...

E assim, chegar e partir
São só dois lados
Da mesma viagem
O trem que chega
É o mesmo trem da partida
A hora do encontro
É também despedida
A plataforma dessa estação
É a vida desse meu lugar
É a vida desse meu lugar
É a vida

(Encontros e Despedidas, de Milton Nascimento; interpretado por Maria Rita)